Notícias

home » notícias

25 de Outubro de 2020 às 09:35

Sindicato em defesa da saúde dos empregados do Banco da Amazônia


O Banco da Amazônia publicou a Circular 2020/057 para convocar o retorno de seus empregados e empregadas da direção geral, central, superintendência e agências que fazem parte do Grupo de Risco ao novo coronavírus a retornar ao trabalho presencial, a partir da próxima segunda-feira, dia 26 de outubro.

A notícia causou alerta na categoria e, prontamente, o Sindicato dos Bancários do Pará enviou ofício ao Banco no dia 20/10 e reiterou ofício no dia 22/10, para expressar sua contrariedade ao retorno do Grupo de Risco e solicitar reunião em caráter de urgência para debater o assunto.

Diante da ação sindical, o Banco da Amazônia recuou e publicou comunicado interno na quinta-feira 22/10 para informar que o pessoal que integra o Grupo de Risco deverá retornar somente no dia 30 de novembro.

Além disso, na próxima quarta-feira (28), às 15h, o Sindicato dos Bancários terá uma telereunião com o Banco da Amazônia para tratar sobre essa circular 057/2020 e outros temas relacionados à pandemia.

“Não estamos de acordo com essa volta, uma vez que seguimos em uma pandemia, sem vacina e com um aumento crescente de novos casos em Belém, o que já foi confirmado pelo poder público municipal e profissionais de saúde. É de responsabilidade dos bancos manter o isolamento de quem faz parte do grupo de risco, e dever nosso de cobrar”, destaca o presidente do Sindicato, Gilmar Santos.

O Sindicato dos Bancários do Pará reafirma sua preocupação tanto com os Bancários e Bancárias que estão em trabalho presencial no Banco da Amazônia, quanto com os que estão em Home Office como medida a evitar o adoecimento, seguindo os protocolos de prevenção. A nossa prioridade é a saúde e a vida dos Bancários e Bancárias e suas Famílias.

 

Fonte: Bancários PA


Notícias Relacionadas